[ editar artigo]

PSICODINÂMICA DAS CORES NA CERVEJA

PSICODINÂMICA DAS CORES NA CERVEJA

Neste post, falaremos sobre a composição das cores nos rótulos de cerveja: o que significa “cor”? Color, dizia-se em latim, na Roma Antiga, para comunicar o que hoje nós chamamos de “cor”. Os franceses falam couleur; os espanhóis, color; os italianos, colore – todas expressam um estímulo visual dos raios de luz irradiados pelo nosso planeta. Tecnicamente, a palavra cor é empregada para referir-se à sensação consciente de uma pessoa cuja retina se acha estimulada por energia radiante.

Nas Artes Visuais, a cor não é apenas um elemento decorativo ou estético: é o fundamento da expressão sígnica e está ligada à expressão de valores sensuais, culturais e espirituais. 

Num rótulo de cerveja, escolher a cor adequada conforme o estilo da cerveja é de suma importância. Uma composição adequada de cores pode fazer toda a diferença no momento de despertar a atenção do consumidor. Lembre-se, o rótulo é a nossa última possibilidade de venda!

As cores exercem uma ação tríplice no consumidor: a de impressionar, a de expressar e a de construir. A cor é vista, ela impressiona a retina, ela é sentida, porque provoca uma emoção; e é construtiva, pois, tendo um significado próprio, tem o valor de símbolo e capacidade de construir uma linguagem própria que comunique uma ideia.

Lembrando que o consumidor reage à cor subordinado às suas condições físicas e às suas influências culturais. 

Por isso, devemos cuidar os tons de cores que iremos utilizar; assim como a saturação, a luminosidade e o contraste que haverá no ambiente - pois tudo isso influenciará o rótulo. A beleza de uma cor depende muito da sua fonte de luz e, mesmo à luz do dia, um objeto apresentará cores diferentes se o dia estiver azul-ensolarado ou nublado, por exemplo.

Pense que o rótulo tem a mágica função de dar aquele ‘psiu’ ao consumidor – e a cor é a primeira coisa que atinge a percepção do olhar do comprador. Então, ao criarmos uma embalagem, devemos seguir três regras básicas que a cor nos proporciona:


•    Visibilidade
•    Impacto
•    Atração


Jamais se esqueça disso! 

Outro fator muito importante em um rótulo de cerveja é que este deve conter um apelo emocional. Não estamos apenas vendendo uma mercadoria: estamos vendendo um sonho de satisfazer um desejo, de preencher uma necessidade.
Qualquer coisa que provoque uma reação em algum órgão do sentido é um estímulo. Quando o consumidor responde a um estímulo determinado, é porque o percebeu e o discriminou dentre outros.

Os estímulos visuais têm características próprias – como tamanho, proximidade, iluminação, cor – e conhecer essas propriedades é de fundamental importância para transmitir, na prateleira, a mensagem ao consumidor
Por isso que rótulos mais atraentes vendem mais. Mas o que faz um rótulo ser atraente mais do que outro? 

As respostas variam de acordo com o setor em que você está inserido. Por exemplo, no nosso setor de cerveja, um rótulo atraente deve seguir algumas diretrizes para influenciar o comportamento do consumidor, como a utilização de uma tampinha diferenciada, uma tag etc. 

Recomendo também utilizar cores para transmitir efeitos e indicar os estilos de cervejas, como verde para IPAs e azul para APAs. Inclua elementos que contem a história do produto ou da cervejaria.

Ao criar um rótulo de cerveja, há muitas considerações que influenciam as decisões de compra do consumidor. O aspecto da embalagem, a sensação de cores, os atributos da cervejaria ou estilo, bem como as preocupações práticas, como segurança, custos de envio e produção, necessidades de prateleiras, expositores e conformidade legal fazem parte da embalagem/rótulo. 

Devemos também pensar no local onde ele ficará exposto: como é a gôndola? Como é o freezer? Que outros rótulos vão cercar o meu? Analise isso sempre antes de colocar as cores no seu rótulo.

Avalie também se onde ele será exposto há um ângulo de visão adequado, se a apresentação do rótulo está chamativa e se tem a capacidade de visualização e compreensão rápida. Pense em todo o processo, não apenas jogue diversas cores para chamar a atenção, mas pense numa harmonização como um todo e, o mais importante, sempre respeite as cores da cervejaria.
 

umacervejapordia
Bento Ferreira
Bento Ferreira Seguir

Sou publicitário, especialista em Marketing e Marketing Digital, Beer Sommelier pelo Instituto da Cerveja e Academia Barbante/Doemens Akademie, Homebrewer e Sommelier de Vinhos pela ABS-SP.

Ler matéria completa
Indicados para você